GMM Feiras comerciais

GMM Feiras comerciais

Dentro do mundo corporativo, um dos ramos mais importantes é a promoção de feiras e exposições. Esse tipo de atividade tem influenciado cada vez mais a vida econômica das empresas, tornando-se protagonista de novas oportunidades de negócios.  No Brasil, é um dos segmentos que mais crescem, sendo um dos mais promissores e geradores de empregos no país, se mantendo aquecido mesmo com a crise econômica e financeira que a nação atravessa. Segundo o ICCA (International Congress and & Conventions Association), entidade internacional responsável pela administração do maior banco de dados de eventos do mundo, o Brasil é líder na América Latina no número de eventos internacionais sediados e está em segundo lugar nas Américas, tendo a cidade de São Paulo como a maior receptora desses eventos.

Mas, ao contrário do que muita gente pensa, as grandes feiras corporativas não são as únicas ferramentas usadas para garantir um evento de sucesso. Atualmente, as feiras especializadas, ou férias de nicho, possuem atrativo maior.  “Uma tendência natural deste mercado é o fracionamento de grandes feiras e convenções em eventos menores, mais segmentados e direcionados a nichos. Isso já está acontecendo em destinos internacionais e visa tornar a experiência dos participantes mais personalizada. Se o Brasil quer evoluir seu mercado de eventos, precisa se inteirar desta realidade o quanto antes”, salienta o diretor superintendente da Expo Center Norte, Paulo Ventura, durante debate no Congresso MICE Brasil.

Segundo Armando Campos Mello, presidente executivo da UBRAFE (União Brasileira de Feiras), muitos produtores independentes e consumidores engajados encontraram nas pequenas feiras de nicho uma oportunidade para criar uma nova maneira de consumir. Enquanto nas feiras de grande porte o público é bem diversificado, nos eventos menores o número de visitantes é menor, porém é mais específico, com um foco maior. Daí a importância de os expositores saberem mostrar qual é o verdadeiro objetivo da empresa. O produto deve ser bem específico para despertar a atenção do público. Geralmente o público desse tipo de evento é bem seletivo, aumentando as chances de efetivação de negócio e cair no gosto do consumidor.

Saiba mais sobre férias de nicho e suas particularidades. Faça o curso GMM e aprenda com palestrantes renomados no ramo de eventos corporativos. Inscrições no site do GMM Online.

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked with *

Cancel reply

Posts Carousel


Translate »