Conheça quem está por trás de eventos como Lollapalooza e Rock in Rio!

Conheça quem está por trás de eventos como Lollapalooza e Rock in Rio!

Neste final de semana, terminou mais uma edição do Rock in Rio, que movimentou o Parque Olímpico no Rio de Janeiro, a edição contou com diversas atrações nacionais e internacionais, e teve um público aproximado de 100 mil pessoas nos dias do evento.

 

Olhando a magnitude deste evento, é impossível não pensar quem está por trás do planejamento de um grande evento como este. No Brasil, uma empresa é especializada em cenografia e produção de eventos deste porte. A M|Checon é a empresa responsável pela montagem de eventos como o Rock in Rio.

 

O proprietário, Marcelo Checon começou a empresa aos 19 anos, com o dinheiro da venda de uma moto, alugou um galpão com 2 mil metros quadrados e contratou seis funcionários. O plano foi ousado, mas no mês seguinte, fechou dois grandes contratos com a Camargo Corrêa e Lukscolor no total de R$400 mil.

 

Com projetos de estandes de empresas, o empresário traçou metas maiores, e logo engatou o estande da Mercedez Bens no Salão do Automóvel, e, de lá para cá foram vários clientes de se tirar o chapéu, tais como: O Boticário, Fiat, Net, Disney, além do Carnaval e Festival de Verão de Salvador.

 

No ramo de shows, a empresa M|Checon realizou o Nokia Trends, Festival Planeta Terra, Lollapalooza e Rock in Rio. Enquanto muitos empresários reclamavam do ano de 2016, Marcelo teve motivos para comemorar, com eventos como as Olimpíadas do Rio e Salão do Automóvel e, desta forma viu os números de crescimento chegar aos 27%.

 

A média dos eventos feitos pela empresa é de 20 por mês, dos mais variados tamanhos, podendo ser desde estandes para grandes marcas, como eventos astronômicos como o Rock in Rio.

 

Segundo Marcelo, ter uma empresa de cenografia é um desafio constante, principalmente em período onde as empresas estão reduzindo seus custos, além de precisar sempre ter uma carta na manga, pois imprevistos sempre acontecem:  “Na semana passada, fizemos um evento de 15 mil metros quadrados no Rio. No meio, o cliente chegou precisando de quatro cafeteiras. Eu não faço cafeteiras, mas mandei comprar e depois a gente resolve a parte de custos. É ao vivo, né? Isso serve para tudo. ” Afirma.

Fonte: Forbes

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked with *

Cancel reply

Posts Carousel


Translate »